30 de dezembro de 2008

FELIZ 2009


Queridos amigos,


Reflita em quantos caminhos você trilhou em apenas um ano.

Pense ainda no quanto você pode caminhar neste ano que se inicia.

Lembre-se das muitas formas em que você foi abençoado.

Considere o quanto aprendeu neste ano que se findou.

Pense ainda naquilo que você pode realizar com conhecimento adquirido mediante as experiências que nele vivenciou.

Não importa o que aconteceu, 2008 foi um ano bom: você viveu, amou, aprendeu e cresceu com as novas experiências.

Apesar de algumas situaçôes haverem sido extremamente dolorosas, você as superou e mesmo em meio à dor, foi capaz de desfrutar novas alegrias.

Ao contemplar o ano novo, quero encorajá-lo a crer mais do que nunca no Deus que tem o controle de todas as coisas, a confiar como você jamais confiou naquele que não tem começo nem fim e que o ama com um amor intenso e profundo.

Que em todos os momentos deste novo ano nós nunca deixemos de sonhar com um mundo melhor para todos; que nos momentos de alegria ou tristeza, de bem-estar ou sofrimento, de vitórias ou derrotas, possamos cescer, nos alegrar e nos amparar uns nos outros.


FELIZ ANO NOVO, PORQUE A VIDA É CURTA. CURTA!

22 de dezembro de 2008

Músicarella


As músicas melhores músicas de 2008, por Cris.
Viva La Vida - Coldplay
Elephant Gun - Beirut

19 de dezembro de 2008

Cerejas de 2008



2008 terminou, com ele se foram os dias tristes, os momentos de insensatez e a velha frase: Mais um ano se passou, e eu...

Esperar a data X, Y... para produzir algo que realmente faça diferença no seu dia a dia e que valha a pena levantar da cama, não vai adiantar. Os dias irão passar e o amanhã dificilmente irá se transformar no hoje. Não espere por tudo...

É preciso acreditar em si mesmo e construir, cair, beber, cair, levantar... Ficar frustrado porque não ganhou o dinheiro que queria, porque não teve o cargo que desejava o marido que sonhou, o filho exemplo... De nada vai adiantar. A vida se mostra com várias caras, e nesse baile de máscaras é preciso saber dançar.

Ser criativo, audacioso e principalmente ter paciência e determinação para as coisas que precisam de hora certa para acontecer. Apenas para as que precisam...

Que você possa fechar o ano com a certeza que falou a verdade para as pessoas que você diz que ama, que foi leal com seus princípios e forte para vencer os dias de fraqueza e que o seu sorriso, hoje, seja muito mais interior do que da boca pra fora.

Agradeço a todos que me visitam, e desejo dias de paz e muito amor para cada um de vocês.
A vida é curta. curta!

8 de dezembro de 2008



Hoje é dia de nossa senhora da conceição, feriado na grande Recife. Não me perguntem porque, mas por volta das 13h me deu vontade de ir à missa, nos últimos meses não ando muito praticante, nem sou devota de nenhum santo, minhas conversas sempre foram diretas com Deus.

A primeira e última vez que estive no morro da conceição, foi impulsionada pela divida de mais ou menos 8 anos de uma promessa, não foi Isa?

Bem, segui minha intuição e fui lá agradecer todos os momentos de vitória que pude desfrutar este ano, todas as sensações de otimismo e principalmente todas as portas que foram abertas em todos os setores do meu dia-a-dia.

Merecer - É quando uma força muito maior diz que você fez tudo direito. Então...

Só tenho agradecimentos.

Mas não poderia deixar de observar romeiros e devotos de um lado, feriado na cidade do outro.

Na subida do morro se encontra de tudo, parque de diversão, bebida alcoólica, churrasquinho, velas, adesivos, imagens de santos, música muito alta, fé, carência, deficiência, falta de saneamento básico e esperança.

Ah! Encontramos também muitas perguntas, as mesmas que ficaram aqui, sem respostas.

3 de dezembro de 2008

Maça para o Professor









Pessoal,





Li um texto maravilhoso, a cópia fiel da realidade de muitas crianças. Infelizmente, tem muita gente se fingindo de cego...






Ecesse o link abaixo:

http://miliano.blogspot.com/2008/12/percepo-de-mundo.html






Conheça um pouco do outor.


http://pt.wikipedia.org/wiki/Jos%C3%A9_Pacheco

2 de dezembro de 2008

GELEI


Este e-mail foi enviado pelos amigos da Perdigão de Itajai, vamos refletir...



Meus amigos,
Hoje 27 de novembro de 2008 o sol saiu e conseguimos voltar a trabalhar. A despeito de brincadeiras e comentários espirituosos normais sobre esta “folga forçada” a verdade é que nunca me senti tão feliz de voltar ao trabalho. Não somente pelo trabalho, pela instituição e pela própria tranqüilidade de ter aonde ganhar o pão, mas também por ser um sinal de que a vida está voltando ao normal aqui na nossa Itajaí.
As fotos que circulam na internet e os telejornais já nos dão as imagens claras de tudo que aconteceu então não vou me estender narrando e descrevendo as cenas vistas nestes dias. Todos vocês já sabem de cor. Eu quero mesmo é falar sobre lições aprendidas.
Por mais que teorias e leituras mil nos falem sobre isso ainda é surpreendente presenciar como uma tragédia desse porte pode fazer aflorar no ser humano os sentimentos mais nobres e os seus instintos mais primitivos. As cenas e situações vividas neste final de semana prolongado em Itajaí nos fizeram chorar de alegria, raiva, tristeza e impotência. Fizeram-nos perder a fé no ser humano num segundo, para recuperar-la no seguinte. Fez-nos ver que sempre alguém se aproveitará da desgraça alheia, mas que também é mais fácil começar de novo quando todos se dão as mãos.
Que aquela entidade superior que cada um acredita (Deus, Alá, Buda, GADU etc.) e da forma que cada um a concebe tenha piedade daqueles:
- Que se aproveitaram a situação para fazer saques em Supermercados, levando principalmente bebidas e cigarros
- Que saquearam uma farmácia levando medicamentos controlados, equipamentos e cofres e destruindo os produtos de primeira necessidade que ficaram assim como a estrutura física da mesma.
- Que pediam 5 reais por um litro de água mineral.
- Que chegaram a pedir 150 reais por um botijão de gás.
- Que foram pedir donativos de água e alimentos nas áreas secas pra vender nas áreas alagadas.
- Que foram comer e pegar roupas nos centros de triagem mesmo não tendo suas casas atingidas.
- Que esperaram as pessoas saírem das suas casas para roubarem o que restava.
- Que fizeram pessoas dormir em telhados e lajes com frio e fome para não ter suas casas saqueadas.
- Que não sentiram preocupação por ninguém, algo está errado em seu coração.
- Que simplesmente fizeram de conta que nada acontecia, por estarem em áreas secas.
Da mesma forma, que essa mesma entidade superior abençoe:
- Aqueles que atenderam ao chamado das rádios e se apresentaram no domingo no quartel dos bombeiros para ajudar de qualquer forma.
- Os bombeiros que tiveram paciência com a gente no quartel para nos instruir e nos orientar nas atividades que devíamos desenvolver.
- A turma das lanchas, os donos das lanchinhas de pescarias de fim de semana que rapidamente trouxeram seus barquinhos nas suas carretas e fizeram tanta diferença.
- À equipe da lancha, gente sensacional que parecia que nos conhecíamos de toda uma vida.
- Aos soldados do exército do Paraná e do Rio Grande do Sul.
- Aos bravos gaúchos, tantas vezes vitimas de nossas brincadeiras que trouxeram caminhões e caminhões de mantimentos.
- Aos cadetes da Academia da Polícia Militar que ainda em formação se portaram com veteranos.
- Aos Bombeiros e Policias locais que resgataram, cuidaram , orientaram e auxiliaram de todas as formas, muitas vezes com as suas próprias casas embaixo das águas.
- Aos Médicos Voluntários.
- Às enfermeiras Voluntárias.
- Aos bombeiros do Paraná que trabalharam ombro a ombro com os nossos.
- Aos Helicópteros da Aeronáutica e Exercito que fizeram os resgates nos locais de difícil acesso.
- Aos incansáveis do SAMU e das ambulâncias em geral, que não tiveram tempo nem pra respirar.
- Ao pessoal do Helicóptero da Polícia Militar de São Paulo, que mostrou que longo é o braço da solidariedade.
- Ao pessoal das rádios que manteve a população informada e manteve a esperança de quem estava isolado em casa.
- Aos estudantes que emprestaram seus físicos para carregar e descarregar caminhões nos centros de triagem.
- Às pessoas que cozinharam para milhares de estranhos.
- Ao empresário que não se identificou e entregou mais de mil marmitex no centro de triagem.
- A todos que doaram nem que seja uma peça de roupa.
- A todos que serviram nem que seja um copo de água a quem precisou.
- A todos que oraram por todos.
- Ao Brasil todo, que chorou nossos mortos e nossas perdas.
- Aos novos amigos que fiz no centro de triagem, na segunda-feira.
- A todos aqueles que me ligaram preocupados com a gente.
- A todos aqueles que ainda se preocupam por alguém.
- A todos aqueles que fizeram algo, mas eu não soube ou esqueci.
Há alguns anos, numa grande enchente na Argentina um anônimo escreveu isto:
COMEÇAR DE NOVO
Eu tinha medo da escuridão
Até que as noites se fizeram longas e sem luz
Eu não resistia ao frio facilmente
Até passar a noite molhado numa laje
Eu tinha medo dos mortos
Até ter que dormir num cemitério
Eu tinha rejeição por quem era de Buenos Aires
Até que me deram abrigo e alimento
Eu tinha aversão a Judeus
Até darem remédios aos meus filhos
Eu adorava exibir a minha nova jaqueta
Até dar ela a um garoto com hipotermia
Eu escolhia cuidadosamente a minha comida
Até que tive fome
Eu desconfiava da pele escura
Até que um braço forte me tirou da água
Eu achava que tinha visto muita coisa
Até ver meu povo perambulando sem rumo pelas ruas
Eu não gostava do cachorro do meu vizinho
Até naquela noite eu o ouvir ganir até se afogar
Eu não lembrava os idosos
Até participar dos resgates
Eu não sabia cozinhar
Até ter na minha frente uma panela com arroz e crianças com fome
Eu achava que a minha casa era mais importante que as outras
Até ver todas cobertas pelas águas
Eu tinha orgulho do meu nome e sobrenome
Até a gente se tornar todos seres anônimos
Eu não ouvia rádio
Até ser ela que manteve a minha energia
Eu criticava a bagunça dos estudantes
Até que eles, às centenas, me estenderam suas mãos solidárias
Eu tinha segurança absoluta de como seriam meus próximos anos
Agora nem tanto
Eu vivia numa comunidade com uma classe política
Mas agora espero que a correnteza tenha levado embora
Eu não lembrava o nome de todos os estados
Agora guardo cada um no coração
Eu não tinha boa memória
Talvez por isso eu não lembre de todo mundo
Mas terei mesmo assim o que me resta de vida para agradecer a todos
Eu não te conhecia
Agora você é meu irmão
Tínhamos um rio
Agora somos parte dele
É de manhã, já saiu o sol e não faz tanto frio
Graças a Deus
Vamos começar de novo.
Anônimo

É hora de recomeçar, e talvez seja hora de recomeçar não só materialmente. Talvez seja uma boa oportunidade de renascer, de se reinventar e de crescer como ser humano.
Pelo menos é a minha hora, acredito.
Que Deus abençoe a todos.

13 de novembro de 2008

Dona Fina

O bazar dona fina, que aconteceu nos dias 8 e 9.11, foi um sucesso. Roupas de muito bom gosto e qualidade. Uma tarde gostosa de muita tricotagem, lanchinhos, fofocas e modelitos de arrasar.
Impossível levar apenas uma peça, o trabalho manual utilizado em cada uma delas, era de deixar qualquer um babando. Qualquer mão-de-vaca levaria no minimo duas peças.
Do meu lado, Silvinha, uma das sócias da marca, jornalista responsável por toda parte de comunicação da grife. Foi idéia dela o convite para parceria no bazar, uma experiência excelente para meus próximos projetos.
Parabéns querida pela ousadia e sucesso.
A vida é curta, curta!

9 de novembro de 2008

Ervilhas


O dia a dia nos cega. Velocidade, metas, prazos, contas, escritórios do lado da cama, correndo atrás de sonhos, que na maioria não são nossos. Será que estamos ficando insensíveis? Será que estamos deixando a gentileza de lado?

Você já pensou em fazer essa escolha pessoal? Pará de ler e-mails ensinando e você nada fazendo? Já pensou em fazer sua parte agora e contribuir para um mundo melhor?

Sua força está contida em suas mais belas e íntegras ações, grito nenhum vai fazer a diferença.

Calma, não estou falando em ser bobo, ou viver dizendo sim para todos, não é isso. O que estou sugerindo é algo muito maior, e está relacionado diretamente com sua verdade.

Um ato de gentileza pode abrir portas, minimiza conflitos, transforma humores...Afinal, competência técnica é oferecida em universidades de todo país, mas certas habilidades humanas são características escassas e muito bem vindas no mundo de hoje.

Tente sempre se colocar no lugar do outro, você vai evitar falar muita coisa desagradável, principalmente para você.

Os conflitos na sua grande maioria, terá uma versão positiva, basta você querer enxergar.

A vida é Curta. Curta!

5 de novembro de 2008

Sitio Histórico


Já que blog também cumpri a função de foto e cara de diário, vou deixar esse gostinho ao menos uma vez na vida, aqui.

Ando um pouco longe, e não é por falta de tempo, é pura ocupação mesmo. Pensei que dessa forma pudesse matar a saudade e dá notícias.

Essa foto é bem recente, foi tirada há mais ou menos uma semana, uma quinta-feira dessas quando a tarde fica chamando pra ficar na rua. Pois então, ao invés de sala de aula, resolvemos nos aventurar pelas ladeiras do Sítio Histórico de Igarassu.

Sobrevivemos à base de deliciosas “porcarias”, vento no rosto e cabeça zerada de pensamentos e pensamentos....

Desculpe o cabelo assanhado, a cara desmascarada... Os dias com minha pequena sobrinha não carece dessas coisas, a gente não se importa,nem com isso, nem com idade. E por falar na dita, no meu último aniversário deu um branco. Sabe quando sabemos os anos, mas esquecemos a idade?

Coisas...

Abaixo vai mais uma foto do dia.


















Porque a vida é curta. Curta!








23 de outubro de 2008

Corta Essa



Se todas as vezes que eu colocar uma idéia na cabeça, pensar: Que pepino! Não vai rolar.


Há mais ou mesmo duas semanas, tenho observado uns comerciais de tv sobre o movimento que está tomando conta do Brasil – BOTA PRA FAZER.

Me apaixonei! Aliás, eu amo o movimento, o resultado... Já descobri que é uma doença e o médico falou que não tem cura.

Essa energia de fazer acontecer, pra mim, é água no moinho.

Então, pra você que tem vontade de colocar alguma idéia em prática, está aí uma oportunidade para ir se acostumando com o empreendimento. Nem sempre é fácil, mas o aprendizado é gigantesco, além de exigir paciência e determinação. Acredite! Ele transforma e amadurece.

Vem aí a semana global do empreendedorismo de 17 a 23.11.

10 dicas para empreender

1 – Acredite nas suas idéias – Senão, como conseguirá vende-las para os outros.

2 – sonhe GRANDE – Sonhar grande ou pequeno dá o mesmo trabalho, mas um sonho inspirador faz toda a diferença.

3- Determinação e Perseverança - Bons resultados demoram a chegar.

4- Ética e Princípios – Não Dá para construir nada sólido com base frágil.

5 – Tenha foco – Escolha o fundamental para fazer a idéia funcionar, não abra demais o leque.

6 – Simplifique – Procure realizar coisas da forma mais simples para não se complicar.

7 – Gente – Cerque-se de pessoas competentes para fazer as coisas funcionarem.

8 – Transparência – Seja claro e honesto com todas as pessoas com quem se relacionar.

9 – Barriga no Balcão – Experimente seu produto, converse com clientes, fornecedores e parceiros.

10- Não reinvente a roda, aproveite o que já funciona bem e aperfeiçoe; não precisa criar tudo do zero.

Criança CIDADÃ



Participar dos assuntos que interessam à nossa comunidade é uma das coisas que nos torna um cidadão, certo?! Mas às vezes não sabemos como fazer isso, não sabemos por onde começar. Para ajudar os cidadãos a encarar esse desafio, a CGU criou o Programa Olho Vivo no Dinheiro Público, que visita vários municípios durante o ano e ensina aos cidadãos como fiscalizar os recursos públicos. As pessoas aprendem com os auditores da CGU a ficar de olho no dinheiro do povo para saber se está sendo gasto de forma correta, sem corrupção.


O Programa oferece um monte de oportunidades para os cidadãos aprenderem a vigiar o que é feito com o dinheiro público em sua cidade. E todos podem participar! Os adultos podem fazer curso a distância (aqueles pela internet) e, quando tem evento do Olho Vivo na cidade, podem diretamente com os auditores da CGU. E a galera mais nova não fica de fora, viu? Quando a turma do Olho Vivo está na cidade, as crianças e os adolescentes podem participar do concurso de desenho e redação, que dá prêmios ao final do ano para os trabalhos mais legais do País.


Fique você também de Olho Vivo no dinheiro público de sua cidade. Se quiser saber mais, visite o site do Programa.http://www.portalzinho.cgu.gov.br/estudar

20 de outubro de 2008

O bazar do ano





Tecidos exclusivos, modelagens perfeitas, bom gosto e roupas belissímas

Dias 07 e 08.11 -
Rua - Desembargador João Paes, 737 Ap-1303 - Boa Viagem

19 de outubro de 2008

16 de outubro de 2008

Se ligue




O MUNDO GIRA 460 METROS POR SEGUNDO

NÓS SUJAMOS TUDO, MUITO MAIS RÁPIDO...

Da Água pro Vinho

Por que estão ocorrendo tantas mudanças na minha vida?


Porque você está vivo. Portanto, agradeça por isso.

A palavra mudança significa: dar outra direção, modificar, variar, apresentar-se sob outro aspecto, tornar-se diferente do que era física e moralmente etc. Sua existência anseia por mudanças que fortalecem seu corpo físico e espiritual.


Só evolui quem muda. Só muda quem é capaz. A atmosfera está saturada de formas-pensamento. Correntes mentais que atuam e reagem em cada ser humano é diferente. Você será favorecido quando deixar de lado a ilusão.


O importante é manter-se forte e vigilante para continuar em frente, apesar de toda pressão que pode estar sofrendo para fazer o contrário. Você conhecerá sua capacidade mental para enfrentar uma mudança, se solicitar.


Também é importante expressar verdadeiramente às pessoas sobre seus sentimentos e não se importar com a opinião dos outros. Você em primeiro lugar.


Mude tudo. Mude de escola, amizade, mude o conceito de um determinado assunto, mude de cidade, estado ou país, mude de profissão etc. etc. Não importa o que você deseja mudar. Saia da estagnação e evolua. Mas, para que estas mudanças ocorram de maneira satisfatória, é importante que você conheça os prós e contras que estão interligados nesta nova fase da sua vida. Tudo é custo e benefício. Peso e medida. Ninguém erra tudo. Ninguém acerta todas.


O importante é ter maturidade para que você possa obter a responsabilidade dos seus atos. Mudar para alguns pode ser angustiante, mas é o princípio lógico para atingir a sabedoria. Quando estiver no meio desta sensação de angústia, tenha um tempinho para a reflexão. Isso se chama "sabedoria por inteiro".


A mudança sempre força o ser humano caminhar para algo melhor. Não associe a mudança com um problema. Caso contrário, ao tentar mudar, mais uma chance legal acabará escapando das suas mãos. Não se arrependa da mudança. Ela não é o problema, mas a solução.


Problemas existem não só na sua vida, mas na vida de todos. Se as pessoas que estão próximas não conseguem entender sua necessidade de mudança, a dor pela incompreensão que você pode estar sentindo é imensa. Não hesite, siga em frente, pois está prestes a dar um passo para divinizar, entrando em contato com sua parcela mais divina.


Erga a cabeça para os céus, exponha sua face ao vento, baixe as pálpebras na certeza de que, de uma nuvem pequeníssima, de um esquecimento quase branco do universo inteiro, lá estará seu anjo da guarda ajudando-o na sua decisão de mudar.


Sorria, mesmo que ninguém compreenda o motivo de tamanho contentamento. Torne-se outro por um instante, quase incompreensível. Deixe sua vida fluir com todas as mudanças que você deseja para ser feliz.


Monica Buonfiglio

14 de setembro de 2008

Vai Ser azedo



Já falei em algum lugar, que não faço o gênero “Enviar e-mail besterol”... O que mais me impressiona, é recebe-los de montão por pessoas que insistem em se fazer presente reencaminhando pela milésima vez o mesmo e-mail, e nem se dão ao trabalho de apagar os outros remetentes.

Escreva um e-mail pra mim, direcionado, com coisas ou assuntos que você sabe que tenho interesse, ou simplesmente: Cris, lembrei de você um beijo.
Já que nos dias de hoje quase não se visita a casa das pessoas, vamos fazer bonito ao menos pela internet, né?

Será o benedito!

Que Combinação, hein?



Houve uma entrevista de uma hora, na CNBC, com Warren Buffet, um dos homens mais ricos do mundo, que recentemente fez uma doação de 31 bilhões de dólares para a caridade.




A seguir, alguns aspectos interessantes de sua vida.


1.)Comprou a sua primeira ação aos 11 anos, e hoje lamenta tê-lo feito tardiamente! As coisas eram baratas naquele tempo... Incentive seus filhos a investirem.


2.) Comprou uma pequena fazenda aos 14 anos, com as economias oriundas da entrega de jornais. Pode-se comprar muitas coisas com pequenas economias. Incentive seus filhos a iniciarem algum tipo de negócio.


3.) Ainda vive na mesma casa modesta, de 3 quartos , no distrito de Omaha, a qual comprou após se casar, 50 anos atrás. Diz ele que tem tudo o que precisa naquela casa. Sua casa não possui muros nem cercas. Não compre mais do que você 'realmente precisa', e incentive seus filhos a fazerem e pensarem o mesmo. 4.) Dirige seu próprio carro para todo lugar, e não tem motorista particular, nem equipe de segurança à sua volta. Você é o que é...


5.) Nunca viaja em jato particular, embora seja proprietário da maior companhia aérea privada do mundo. Pense sempre num jeito de realizar as coisas de maneira econômica.


6.) Sua empresa, Berkshire Hathaway, possui 63 companhias. Escreve apenas uma carta anual aos principais executivos destas companhias, dando-lhe as metas para o ano. Nunca promove encontros nem os convoca habitualmente. Nomeie as pessoas certas para as missões certas.


7.) Transmitiu aos seus executivos somente duas regras: Regra nº 1: não perca nenhum centavo do dinheiro de seu acionista. Regra nº 2: não se esqueça da regra nº 1. Estabeleça metas e certifique-se de que as pessoas nelas se concentrem.


8.) Não costuma freqüentar a alta-sociedade. Seu passatempo, após chegar em casa, é fazer ele mesmo um pouco de pipoca e assistir a televisão.
Não tente se mostrar, simplesmente seja você mesmo e faça aquilo que gosta de fazer.


9.) Warren Buffet não usa telefone celular, nem tem computador sobre sua mesa. 10.) Bill Gates, o homem mais rico do mundo, encontrou-se com ele, da primeira vez, cinco anos atrás. Bill Gates achava que nada tinha em comum com Warren Buffet. Portanto, programara seu encontro apenas por meia hora.




No entanto, quando Gates o encontrou, este encontro perdurou por dez horas, e hoje em dia, Bill Gates o considera o seu guru. Seus conselhos aos jovens: 'Fique longe de cartões de crédito e empréstimos bancários, invista o seu dinheiro em você mesmo, e lembre-se:


A.) O dinheiro não cria o homem, mas é o homem quem criou o dinheiro.


B.) Viva a sua vida da maneira mais simples possível.


C.) Não faça o que os outros dizem - ouça-os, mas faça aquilo que você se sente bem ao fazer.


D.) Não se apegue às grifes famosas; use apenas aquelas coisas em que você se sinta confortável.


E.) Não desperdice o seu dinheiro em coisas desnecessárias; ao invés disto, gaste nas coisas que realmente precisa.


F.) Afinal de contas, a vida é sua ! Então, por que permitir que os outros estabeleçam leis em sua vida ?' 'As pessoas MAIS FELIZES NÃO TEM, necessariamente, as 'MELHORES' COISAS. Elas simplesmente APRECIAM aquilo que tem'.

Foto: ShutterStock.com





13 de setembro de 2008

Colher de PAU


Temperando a COMIDA



E aí, o que é que se faz com um coração dilacerado por falta de respostas que o remédio do tempo demora tanto a dá? Seraicul e Catupi

Eu ando pensando muito em duas criaturas adoráveis, ela muito mais do que ele, por ser minha amiga, claro!

Catupi com o futuro no prato, mas com o passado na lixeira da cozinha; tão perto, que desfrutar do prazer do que estar á sua frente se torna quase um bloqueio.

Uma pena mesmo que muitos casais estejam paralisados por coisas tão pequenas. De um lado a duvida de viver o óbvio, do outro a inércia por não enxergar que o óbvio é não viver a dúvida do outro.

A felicidade mora dentro de nós e não na posse da alegria que o outro proporciona, perder dias de estudos e projetos em andamento por causa de um assunto que já estar resolvido, não vale a pena.

Então querida Seraicul, ande, corra e mergulhe no amor que seu coração merece ter, um amor tão poderoso que transborda e acaba atingindo a todos que perto de ti chegarem; o seu amor próprio.

Cuidado, a vida te dará à mesma situação quantas vezes for necessária a tua aprendizagem, então, basta à primeira aula, não é?


Catupi,
"(...) procure, como se fosse o primeiro homem, dizer o que vê, vive, ama e perde.""(...) Se se agarrar à natureza, ao que ela tem de simples, à miudeza que quase ninguém vê e que tão inesperadamente se pode tornar grande e incomensurável; se possuir este amor ao insignificante; se procurar singelamente ganhar como um servidor a confiança daquilo que parece pobre — então tudo se lhe há de tornar fácil, harmonioso e, por assim dizer, reconciliador, — não talvez no intelecto, que ficará atrás espantado, mas sim na sua mais í­ntima consciência, que vigia e sabe. (...) ter paciência com tudo o que há para resolver em seu coração e procurar amar as próprias perguntas como quartos fechados ou livros escritos num idioma muito estrangeiro. Não busque por enquanto respostas que não lhe podem ser dadas, porque não as poderia viver. Pois trata-se precisamente de viver tudo. Viva por enquanto as perguntas. Talvez depois, aos poucos, sem que o perceba, num dia longí­nquo, consiga viver a resposta."(Rainer Maria Rilke. In: Cartas a um jovem poeta. Trad. Paulo Rónai. 24. ed. São Paulo: Globo, 1996.)

Porque a Vida é Curta. Curta!

9 de setembro de 2008

Alcachofra



O cosmo sempre me presenteia de alguma forma.
Agora ficou mais fácil escrever a partir de imagens tagarelas.
Às 22h de hoje, Rejane Andrade me apresentou, um site expetacular de fotos www.shutestock.com. Ela sabe garimpar e coleciona verdadeiros diamantes pela internet.

7 de setembro de 2008

Um Drink



Os Homens

Os homens bons são feios

Os homens bonitos não são bons.

Os homens bonitos e bons são gays.

Os homens bonitos, bons e heterossexuais estão casados.

Os homens que não são bonitos, mas são bons, não têm dinheiro.

Os homens que não são bonitos, mas que são bons e com dinheiro, pensam que só estamos atrás de seu dinheiro.

Os homens bonitos, que não são bons e são heterossexuais, não acham que somos suficientemente bonitas.

Os homens que nos acham bonitas, que são heterossexuais, bons e têm dinheiro são covardes.

Os homens que são bonitos, bons, têm dinheiro e graças a Deus são heterossexuais, são tímidos e NUNCA DÃO O PRIMEIRO PASSO!

Os homens que nunca dão o primeiro passo, automaticamente perdem o interesse em nós quando tomamos a iniciativa.


AGORA... QUEM NESSE MUNDO ENTENDE OS HOMENS?



20 de agosto de 2008

Será possível?


Essas belezas estão de olho no gostosão aí do andar debaixo, pode?
Menina, nem com comida você pode dá mole.
Deve ser pra tirar onda.

mais é Cheddar,né?


Meu sanduba preferido é o Cheddar McMelt.
Sempre que estou muito cansada, ou termino algo chato, ou quando quero comemorar algo relacionado ao trabalho, é nele que penso e me lambuso.
E pensando no quanto minha vida é cheia de trabalho, na página da minha agenda tinha a seguinte nota:
Para as coisas grandes e árduas se necessita:
*Combinação sossegada
* Vontade decidida
*Ação vigorosa
*Cabeça de gelo
*Coração de fogo e
*Mão de ferro
(James Balmes - filósofo espanhol)
E não é que é verdade!

19 de agosto de 2008

RELACIONAMENTOS



Adooooooooooooorei! Apesar de algumas vezes fazer errado, achei o texto perfeito.



Sob o ponto de vista lógico... (Luiz Fernando Verissímo)


1- Sempre acho que namoro, casamento, romance tem começo, meio e fim.

Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa:

'Ah, terminei o namoro...' 'Nossa, quanto tempo?'

'Cinco anos... Mas não deu certo...

acabou!'

'É, não deu...'

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou!

E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.


2- Hoje, não acredito muito nos 'opostos q se atraem'. ´Porque sempre uma parte vai ceder muito, e se adaptar demais. É sempre esta a parte mais insatisfeita. Acredito mais em quem tem intereses em comum. Se você adora dançar forró, melhor namorar quem também gosta; se você gosta de cultura italiana, melhor namorar alguém, que também goste. Freqüentar lugares que você gosta, ajuda-a a encontrar pessoas com interesses parecidos com os seus. A extrovertida e o caretão anti-social é complicado, e depois, entra naquela questão de 'um querer mudar o outro, ui...'. Pessoas mudam, quando querem. E porque querem. E pronto. E demora!


3- Cama é essencial! Aliás pele é fundamental. E tem gente, que é mais sexual, outras, que são mais tranqüilas. O garanhão insaciável e a donzela sensível, acho meio estranho. Isto causa muitas frustrações, e dá-lhe livros de auto ajuda sobre sexo. Assim como outras coisas, cada um tem um perfil sexual. Cheiro, fantasias, beijo, manias, quanto mais sintonia, melhor.


4- Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam. Às vezes você não consegue, nem dar cem por cento de você, para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro? E não temos esta coisa de completar. As vezes ele é fiel, mas não é bom de camaÀs vezes ela é carinhosa , mas não é fiel. Às vezes ele é atencioso , mas não é trabalhador. Às vezes ela é malhada, mas não é sensível. Tudo, nós não temos. Perceba qual o aspecto, que é mais importante, e invista nele.


5- Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem 'algo' de pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico, que é uma delícia. E, às vezes, você tem aquele sexo acrobata, mas que não lhe impressiona. Acho que o beijo é importante.. . e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor...e vá dar uma volta.


6- Se ele ou ela não te quer mais, não forçe a barra. O outro tem o direito de não te querer. Não lute, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvida, problema dela, cabe a você esperar ou não. Existe gente que precisa da ausência para querer a presença. O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos. Mas se a pessoa, REALMENTE, gostar, ela volta. Nada de drama. Que graça tem alguém do seu lado, sob chantagem, gravidez, dinheiro, pressão de família? O legal é alguém, que está com você por você. E vice versa. Não fique com alguém por dó também. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento. Tem gente que pula de um romance para o outro.> Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?


7- Gostar dói. Você muitas vezes vai ter raiva, ciúmes, ódio , frustração. Faz parte. Você namora um outro ser, um outro Mundo, e um outro Universo. E nem sempre as coisas saem como você quer... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver. Se alguém vier com este papo, corra, afinal, voce não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível !!! Na vida e no amor, não temos garantias. Nem prazo de validade. Nem toda pessoa que lhe convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear. Nem todo sexo bom é para descartar. Ou se apaixonar. Ou se culpar. Enfim...quem disse que ser adulto é fácil??

18 de agosto de 2008

Que povo DONUTS


O nome deste quitute vem de doughnut, que em inglês significa "rosca frita". A expressão foi usada pelo historiador Washington Irving no livro History of New York (História de Nova York), de 1809, para descrever uma delícia criada no século XVI por padeiros holandeses e trazida por imigrantes para os Estados Unidos. Porém, até então, eles não tinham o tradicional furo no meio. Isso só apareceu em 1847, criado pelo marinheiro americano Hanson Gregory. A invenção fez enorme sucesso e virou uma paixão na terra do Tio Sam. Essa criação valeu-lhe uma placa de bronze na sua cidade natal, Rockport.

17 de agosto de 2008

Biscoito da Sorte


Apesar de haver várias versões sobre a origem dos famosos quitutes, a mais antiga conta que eles surgiram na China, no século XII, enquanto os exércitos do país enfrentavam os mongóis. Os soldados no campo de batalha recebiam mensagens enviadas secretamente dentro de biscoitos em forma de Lua, estratégia que lhes rendeu a vitória. A partir daí, o povo oriental passou a trocar os doces com mensagens de felicitações para comemorar a data, nascendo a tradição dos biscoitos da sorte.

Eu não Pretzels


Pretzels foram criados para recompensar crianças comportadas
No dia 13 de janeiro de 2002, o presidente dos EUA, George W. Bush, desmaiou ao se engasgar com um pretzel, petisco geralmente retorcido em forma de três círculos interligados, enquanto assistia a um jogo de futebol americano, em sua residência da Casa Branca. Ao desmaiar, Bush bateu a bochecha esquerda, que lhe rendeu um pequeno hematoma e uma ferida no lábio. Os biscoitos, feitos de massa doce ou salgada, foram criados por volta do ano de 610, em um monastério no sul da França ou norte da Itália - a localização nunca foi definida com exatidão pelos historiadores. Apesar de agora poderem levar fama de assassinos, os biscoitos foram criados para recompensar as crianças que memorizavam com exatidão as orações e passagens bíblicas ensinadas pelos monges, motivo pelo qual foram chamados de Pretiola, que significa "pequena recompensa" em latim. O formato da delícia representa dois braços unidos em posição de prece. Há quem diga também que os três círculos são referência à Santíssima Trindade. Resta agora saber se os pretzels serão proibidos de embarcar nos vôos de companhias americanas por representarem um perigo potencial.

13 de agosto de 2008

Sopa tailandesa de frango e leite de coco,huuumm!



Meninas que acessam o blog, recebi o texto abaixo de um colega e achei bem interessante, acredito até que algumas de vocês já vivem essa oração, então...



Que o mar vire cerveja e os homens, tira-gosto.


Que os nossos homens nunca morram viúvos,e que nosso filhos tenham pais ricos e mães gostosas!Que Deus abençoe os homens bonitos, e os feios se tiver tempo;Deus...Eu vos peço sabedoria para entender o homem,amor para perdoá-lo e paciência pelos seus atos,porque Deus, se eu pedir força, eu bato nele até matá-lo.

Um brinde...Aos que temos, aos que tivemos e aos que teremos.

Um brinde também aos namorados que nos conquistaram,aos trouxas que nos perderam e os sortudos que ainda vão nos conhecer!


*Que sempre sobre, que nunca nos falte, e que a gente dê conta de todos*!Amém.


Homens são como um bom vinho. Todos começam como uvas, e é dever da mulher pisoteá-los e mantê-los no escuro até que amadureçam e se tornem uma boa companhia pro jantar.


Por a vida é curta. Curta!

11 de agosto de 2008

buscANDO


Conhecer não é o ato através do qual um sujeito transformado em objeto recebe dócil e passivamente os conteúdos que outro lhe da ou lhe impõe.

O conhecimento, pelo contrário, exige presença do sujeito face ao mundo. Requer sua ação transformadora sobre a realidade.

Demanda uma busca constante. Implica invenção e intervenção.

Paulo Freire

10 de agosto de 2008

Escolhas




Já parou para pensar nas suas escolhas, ou no que se tornou sua vida a partir delas?

Primeiro nascemos e crescemos numa família que “teoricamente” não sabemos se escolhemos; isso quando se tem família...

Daí passamos a escolher que roupas vestir, alguns cresceram sem querer ouvir a sugestão dos mais velhos e continuam escolhendo muito mal as roupas.

Sempre acreditei que parte (percentual grande) do que o homem É; não deixa de ser conseqüência do meio que estar inserido. Poderemos ter aí, pessoas que sabem fazer escolhas que trazem realização e sucesso em todas as áreas da vida ou outras que superaram a opção de não ter escolha.

Algumas vezes a escolha é paralisada pelo medo de não dá certo, noutras, pelo pensamento negativo ou outro tipo de prisão que só e somente apenas quando algo jamais imaginado acontece; tudo se transforma e a vida sofre a grande mudança que precisava.

Naturalmente a vida escolhe o que você demorou tanto... Por isso, cuidado com as escolhas erradas.
Todos nós somos mestres um dos outros nesta vida.

8 de agosto de 2008

Aaaa,meu pai!



Agora, para o pai dos outros... Menina o que é isso?

Tem uns pais por aí que realmente salva parte da humanidade de feiura, aff maria!

Eu tenho um PAIZÃO


Domingo é dia dos pais.

Eu quero agradecer ao meu PAI por estar sempre presente e ser um exemplo maravilhoso de verdade, honestidade, simpatia e tranquilidade. Você me ajuda pra caramba!

Você é o nome mais doce da casa, eu, Lândia e mainha não nos cansamos de te chamar.

Aliás, nossa confecção inteira te ama.

Que bom que eu herdei esse seu jeito, paz e amor.

TE AMO PAI.

7 de agosto de 2008

Amado



Eu voltei do retrô 80 contaminada de música, e muita coisa que sinto e penso pode ser dita por alguns interpretes, Vanessa da Mata disse em alguns trechos da música abaixo um sentimento sublime e livre que habita meu coração. Quando ele ler, vai saber.


É uma das melodias mais lindas que já ouvi, eu gosto muito da forma como ela é cantada.


Amado - Vanessa Da Mata
Como pode ser gostar de alguém
E esse tal alguém não ser seu
Fico desejando nós gastando o mar
Pôr do Sol, postal, mais ninguém
Peço tanto a Deus
Para esquecer
Mas só de pedir me lembro

Minha linda flor
Meu jasmim será
Meus melhores beijos serão seus


Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais


É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer


Sinto absoluto o dom de existir, não há solidão, nem pena
Nessa doação, milagres do amor
Sinto uma extensão divina

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer

Quero dançar com você
Dançar com você
Uma cerveja antes do almoço, é muito bom pra ficar pensando melhor.

Chá de Canela




Minha querida amiga, Kátia. Estou publicando a saudade que estou sentindo de você e das nossas conversas maravilhosas. Beijo grande para Luisa, Carol, Luis e outro bem carinhoso para você.

O Rio de janeiro continua liiindo.

A vida é curta, curta!



6 de agosto de 2008

Tomando Uma


Conhecer não é o ato através do qual um sujeito transformado em objeto recebe dócil e passivamente os conteúdos que outro lhe da ou lhe impõe.

O conhecimento, pelo contrário, exige presença do sujeito face ao mundo. Requer sua ação transformadora sobre a realidade.

Demanda uma busca constante. Implica invenção e intervenção.

Paulo freire

31 de julho de 2008

Ateando Fogo


Para cozinhar o alimento, queimar as "amélias", incendiar o passado, aquecer os dias de frio e quem saber: "torrar a paciência com um texto bem polêmico..."

Garotinha Melancia


Uma das coisas estranhas que os adultos fazem com os bêbes; não se sabe porque, mas...
Já que neste blog vale muito mais a liberdade, postei para saber sobre a percepção particular de cada um a respeito da imagem.

26 de julho de 2008

Crepe de Alma Nova


Um dia desses estava na casa de Marcos e ouvi uma música do Zeca Baleiro, dessas músicas que não apenas reúne palavras numa melodia, mas que fala de coisas que nunca imaginamos que alguém conseguiria expressar, principalmente numa música.
E hoje, acordei ouvindo a mesma música. É linda!
Obrigada Marcos, por me apresentar “Alma Nova”.

Com vocês: Zeca Baleiro

Sempre que te vejo assim
linda nua e um pouco nervosa
minha velha alma
cria alma nova
quer voar pela boca
quer sair por aí
e eu digo
calma alma minha
calminha
ainda não é hora de partir

então ficamos
minha alma e eu
olhando o corpo teu
sem entender
como é que a alma entra nessa história
afinal o amor é tão carnal
eu bem que tento
tento entender
mas a minha alma não quer nem saber
só quer entrar em você
como tantas vezes já me viu fazer
e eu digo
calma alma minha
calminha
você tem muito o que aprender
A vida é curta. Curta!

20 de julho de 2008

Meus Amigos, Minhas AMORAS


A amizade é o sentimento que imanta as almas unas às outras, gerando alegria e bem-estar.

A amizade é suave expressão do ser humano que necessita intercambiar as forças da emoção sob os estímulos do entendimento fraternal.

Inspiradora de coragem e de abnegação. A amizade enfloresce as almas, abençoando-as com resistências para as lutas.

Há, no mundo moderno, muita falta de amizade!

O egoísmo afasta as pessoas e as isola.

A amizade as aproxima e irmana.

O medo agride as almas e infelicita.

A amizade apazigua e alegra os indivíduos.

A desconfiança desarmoniza as vidas e a amizade equilibra as mentes, dulcificando os corações. Na área dos amores de profundidade, a presença da amizade é fundamental.

Ela nasce de uma expressão de simpatia, e firma-se com as raízes do afeto seguro, fincadas nas terras da alma. Quando outras emoções se estiolam no vaivém dos choques, a amizade perdura, companheira devotada dos homens que se estimam.

Se a amizade fugisse da Terra, a vida espiritual dos seres se esfacelaria.

Ela é meiga e paciente, vigilante e ativa.

Discreta, apaga-se, para que brilhe aquele a quem se afeiçoa. Sustenta na fraqueza e liberta nos momentos de dor.

A amizade é fácil de ser vitalizada. Cultivá-la, constitui um dever de todo aquele que pensa e aspira, porquanto, ninguém logra êxito, se avança com aridez na alam ou indiferente ao elevo da sua fluidez.

Quando os impulsos sexuais do amor, nos nubentes, passam, a amizade fica.

Quando a desilusão apaga o fogo dos desejos nos grandes romances, se existe amizade, não se rompem os liames da união. A amizade de Jesus pelos discípulos e pelas multidões dá-nos, até hoje, a dimensão do que é o amor na sua essência mais pura, demonstrando que ela é o passo inicial para essa conquista superior que é meta de todas as vidas e mandamento maior da Lei Divina.


texto de:Joana de Ângelis

16 de julho de 2008

QUEIJOS


pOrQUE Os HoMENS PRocuRAM PROSTITUTAS?

Gostosuras de Amor





Aproveite o intervalo da novela e faça uma surpresa para seu amor: doces rápidos, com sabores diferentes, para agradar todo mundo em apenas 3 minutos
Bolo de Laranja
1 ovo pequeno 3 colheres (sopa) de óleo
4 colheres (sopa) rasas de açúcar
4 colheres (sopa) de suco de laranja
5 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo
1 colher (café) de fermento em pó
Cobertura:
2 colheres (sopa) açúcar de confeiteiro
3 colheres (chá) de suco de laranja Coloque o ovo na caneca e bata com o garfo. Adicione o óleo, o açúcar e o suco de laranja e misture. Agregue a farinha, o fermento e misture até uniformizar. Leve por três minutos ao microondas em potência máxima. Cobertura: Junte tudo e cubra o bolo.






Bolo de Leite de Coco
1 ovo pequeno
2 colheres (sopa) de leite de coco
2 colheres (sopa) de leite
3 colheres (sopa) de óleo
4 colheres (sopa) rasas de açúcar
5 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo
1 colher (sopa) rasa de coco ralado
1 colher (café) de fermento em pó
Cobertura: 2 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro
3 colheres (chá) de leite de coco Coco ralado a gosto Despeje o ovo inteiro na caneca e bata. Em seguida, junte o óleo, o açúcar, o leite de coco e misture bem. Acrescente a farinha, o fermento e mexa até a massa ficar uniforme. Leve por três minutos ao microondas na potência máxima. Cobertura: Misture e cubra o bolo. Polvilhe coco ralado.

Caneca ideal Separe uma com capacidade de 300 ml. Se for menor do que isso, você corre o risco de ver os ingredientes vazarem do recipiente. Outro ponto importante: o material deve ser apropriado para uso em microondas. Cuidado com os plásticos, pois eles podem derreter, e com os metais, porque o eletrodoméstico corre o risco de pegar fogo.
Unte bem Depois de preparar a receita, passe manteiga e polvilhe farinha em outra caneca e despeje a massa. Assim, o doce não gruda e não quebra ao desenformar.
Autor: Natália Chagas .
natalia.chagas@abril.com.br

9 de junho de 2008

AMOR


Escolher uma imagem que melhor retrate o dia dos namorados não é das tarefas mais fáceis. Pensei em algo vermelho, bonito. Mas quem falou que o amor só pode ser pensado assim? Champagne, morangos, chantilly, vinhos, café, corpos... Comida não falta. Ah! Lembrei também de cuscuz, mortadela, inhame, macaxeira, linguiça, leite condensado... Por aí vai.


Ops! Sapatos, obrigada Rejane. Uma excelente imagem, afinal são eles que acabam nos levando para perto do nosso amor, né?


Enquanto nada sai, gostaria de ouvir histórias de amor das minhas leitoras. Não precisa citar nomes; só falar do sentimento, da paz, do sorriso sem motivo. Pode até enviar a foto de uma comida e o texto breve para: criso.leide@gmail.com.


Terei o maior prazer em publicar o assunto que mais gosto de sentir. AMOR


Aguardo notícias

7 de junho de 2008

essa é BROA



Uma delicada forma de calor - Zeca Baleiro


Eu me lembro de voce ter falado alguma coisa sobre mim
e logo hoje tudo isso vem a toa
e me parece cair como uma luva
agora no dia em que eu choro
eu to chovendo muito mais do que lá fora
lá fora é só agua caindo
enquanto aqui dentro, cai a chuva
Enquanto ao que voce me disse
eu me lembro sorrindo vendo voce tão séria
tantar me enquadrar se sou isso ou se eu sou aquilo
e acabará indignada me achando totalmente impossível
e talvez seja apenas isso...
chovendo por dentro, impossível por fora
Eu me lembro de voce descontrolada tentando se explicar
como é que a gente pode ser tanta coisa indefinivel,
tanta coisa diferente
sem saber que a beleza de tudo é a certeza de nada
e que o talvez torne a vida um pouco mais atraente
E talvez a chuva, o cinza, o medo, a vida
sejam como eu
ou talvez porque voce esteja
derrepente assistindo muita televisão
e como um deus que não se ve-se nunca
como um deus que não se ve-se nunca
seu olhar não cosengue perceber
como uma chuva,
uma tristeza pode ser uma beleza
e o frio uma delicada forma de calor

sOPA de feijão



Meu fraco.
Só pra deixar registrado o papo delicioso e a presença gostosa de um velho amigo que eu amo de montão. Ontem a noite no parraxaxá, chuva pra afogar Recife e frio de 20°, ou melhor, uma delicada forma de calor.
A VIDA É curta. Curta!

30 de maio de 2008

criSOLeide



Um astro tão poderoso, que até na hora de escolher a foto eu fiquei completamente na dúvida. Escolhi essa porque mostra o céu, e como ninguém reina sozinho, nada mais justo do que mostrá-lo também.
Eu chamo de grandes decisões, tudo que quebra um hábito e destrói a zona de conforto; as quais algumas vezes são tomadas por nós mesmos, noutras são tomadas por circunstâncias ou pessoas.

Decidir: Mudar de emprego; mudar de cidade, de país; ter um filho; ser empresário; fazer uma plástica; uma cirurgia de coração... Seja lá qual for a mudança que você precise fazer na sua vida, ela trará a curto prazo alguma tristeza, uma angústia , insegurança, medo e até arrependimento.

Um animal irracional nasce e em poucos dias começa a andar, tempos depois segue sozinho o seu caminho. Nós, levamos um ano para andar e muitos outros para caminhar por conta própria, seguindo os próprios sonhos, que muitas vezes ficam estagnados por conta da família, do namorado, do marido, dos pais e principalmente pelo MEDO DE FRACASSAR.

O fracasso não existe. Tentamos fazer coisas diferentes e algumas vezes precisamos mudar o jeito de fazer, o que não significa que houve fracasso.

Meu conselho é que provoquem a mudança, a vida só é essa, mas analise todas as possibilidades, estude o terreno e se prepare para guerrilhar e saborear o prazer inexplicável da realização de um sonho. É lindo!

Mudei completamente a forma de enxergar o mundo, foi tudo ampliado e hoje consigo entender que toda escolha tem um preço, cabe a você pagar pra ver.

Um beijo enorme

20 de abril de 2008

Se fosse pra ficar na sombra, eu teria ficado em casa!



Texto de Rosana Braga ::
Há alguns meses, estive na praia de Ipanema, na linda Rio de Janeiro. Verão intenso, muita gente se divertindo e, sentados na areia, um pouco adiante de mim, três pessoas conversavam animadamente.
Uma delas era um rapaz que, por conta de um detalhe, destoava da grande maioria ao redor: embora fosse por volta do meio dia e o calor estivesse escaldante, ele não estava se protegendo do sol.
A certa altura, aproximou-se o moço que alugava esse tipo de acessório e ofereceu:- Você quer que eu lhe traga um guarda-sol?!? E ele, muito à vontade na situação em que estava, respondeu quase que indignadamente:- Meu caro, se fosse pra ficar na sombra, eu teria ficado em casa!
Num primeiro momento, tanto o tom da voz dele quanto a convicção de sua decisão em permanecer sob o sol soaram quase como uma piada para mim. Mas agora, depois de passado todo esse tempo, comecei a me dar conta de quantos diferentes significados aquela frase foi ganhando.
Passei a, repetidas vezes, não só me lembrar, como também a criar metáforas para a tal assertiva. “Ficar na sombra” é, na linguagem da psicologia, manter-se na inconsciência; é como aquela parte do iceberg que fica debaixo d’água, invisível aos navios, podendo provocar graves acidentes.“Ficar na sombra” também quer dizer não se expor, não enfrentar determinada condição como ela é. E, no caso de lançar mão de um acessório para se proteger ou se esconder, é ainda uma estratégia para não ter de lidar com algo que pode estar incomodando, ainda mais se sua intensidade for grande.
Claro que, no caso real, é indiscutível que uso de protetor solar e do guarda-sol são extremamente indicados e benéficos à saúde; mas meu intuito não é julgar a escolha do rapaz e sim refletir sobre o impacto que a afirmação tão convicta dele me causou. Fez com que eu pensasse quantas vezes a gente prefere ficar mergulhado na sombra a sair de casa e ir à luta, ou “dar a cara à tapa” como diz o ditado popular.Quantas vezes preferimos uma falsa segurança - ainda que escura e nebulosa - ao risco, à possibilidade de tentar. E - pior! - quantas vezes saímos de casa e, ao sentirmos o calor do sol, ou seja, a chance de viver plena e intensamente uma oportunidade que a vida nos apresenta, corremos em busca de uma sombra, assustados, inseguros.
Preferimos nos omitir a expressar o que pensamos, o que sentimos, o que queremos. E assim, de sombra em sombra, tentando nos esquivar da condição real, vamos perdendo chances incríveis de realizar um sonho, de ocupar um cargo há tempos desejado, de experimentar um amor, de desbravar o desconhecido e, enfim, de nos transformar numa pessoa melhor...Talvez esteja aí a resposta para tantas atrocidades sendo cometidas, para tamanho mal-estar que tem rondado o planeta de um modo geral: muita sombra imposta sobre lugares, pessoas e situações onde poderia estar brilhando o sol.
Muita escuridão onde poderia estar inundado de luz. Muita inconsciência onde bastaria um pouco mais de coragem, um pouco mais de disponibilidade ou simplesmente o exercício de nossa verdadeira humanidade.
Portanto, a conclusão a que chego quando me lembro daquela intrigante frase do rapaz da praia de Ipanema - “Se fosse pra ficar na sombra, eu teria ficado em casa!” - é a seguinte: que fechemos nossos guarda-sóis, que paremos de inventar tanta sombra para nos proteger ou nos esconder do que está aí para ser vivido... e que sejamos, deste modo, bem mais audaciosos quando o convite for para a vida, para o bem e para o amor!